Gramado Summit 2020

A quarta edição do maior evento de empreendedorismo e inovação da América Latina se aproxima, nos dias 5 a 7 de agosto em torno de oito mil empresários estarão participando da programação intensa que contará com em torno de 140 palestrantes e mais de 200 empresas na feira de negócios.

 

 

Essa edição promete movimentar R$ 12 milhões para cidade de Gramado e está confirmada para realização no centro de eventos do Serra Park.

A Secretaria de Turismo estará mais ativa, com um estande que promete promover a interação de startups com o município. É importante que os diretores à frente das empresas locais tenham abertura para contato com pessoas do ramo da tecnologia e inovação, tendo assim auxilio na resolução dos problemas do cotidiano voltados ao setor turístico ou em outras áreas que necessitem de atenção.

Ao mesmo tempo em que o evento visa crescimento, a preocupação com impactos ambientais é um dos assuntos relatados aos organizadores. Neste assunto o evento encontrou a necessidade de criar ações para revolucionar pequenos hábitos e não impactar negativamente o ecossistema. Com apoio da Greenpeace o evento promoverá atividades de conscientização. 

Um pouco da história:

2019 – O maior brainstorming do Brasil

140 palestrantes, 80 investidores e mais de 100 empresas participantes.

A participação de Serginho Groisman e a internacionalização do evento foram marcantes para o futuro de crescimento do evento. Lisiane Lemos (Sales Execute Microsoft) e Heini Zachariassen (founder da Vivino) também fizeram parte da programação de palestras.

2018 – A inovação elevada a segunda potência

60 palestrantes, 80 investidores e mais de 80 startups.

Muito networking e palestras incríveis por conta de José Galló (diretor das lojas renner), David Randon (diretor da Randon) e Pedro Conrade (Neon Pagamentos).

2017 – A Babilônia da Inovação

35 palestrantes, 45 investidores e 72 startups. O start para o início da revolução e impacto no ecossistema brasileiro de startups.

Dentre os palestrantes presentes estiveram João Cox (Cox investments and Avisory), Maurício Perucci (Perucciconsultoria empresarial) e Eduardo Mendes (CEO do Hotel Urbano).

A meta do evento é alcançar números ainda maiores e consolidar a região como um polo de inovação e tecnologia. Para 2020, são esperadas 200 empresas, oitomil visitantes, 140 palestrantes e uma área construída de 20 mil m².

Conheci o Marcus há muito tempo atrás, na adolescência,ainda quando ele fazia parte de uma banda que tocava nos bares por aí na cidade. Acredito que naquela época a minha admiração teria iniciado através da atenção e empenho que ele tinha em alimentar um sonho sem pensar no que as outras pessoas iriam falar.

Um tempo depois, com uma família tradicional e com empresa consolidada na área de eventos, ele decidiu inovar na minha área, o Turismo. Percebi que ele queria realmente impactar a economia da cidade através de uma “entrevista” no momento da abertura da empresa HonneyDreams, que era focada em resolver o problema de intermediação das empresas de turismo (agências e operadoras) com o cliente final.

Naquela época comecei a ter um enorme carinho e admiração pelo Marcus devido à coragem dele, de fazer o que queria da forma dele, no momento dele, sem olhar para trás. Acredito que essa coragem se criou porque as pessoas disseram muitos nãos e o chamaram de louco muito provavelmente quando ele iniciou a empreender.

Mas, naquele momento ele não obteve sucesso financeiro com a empresa, mas sim serviu de muito aprendizado para o seu próximo passo.

Não parando por aí, com aporte de apenas 30 mil reaisemprestados pela empresa da família, ele criou o evento que mudou tudo o que as pessoas imaginavam e pensavam sobre inovação e tecnologia. O aprendizado na área de eventos dentro da empresa de sua mãe auxiliou para que o evento tivesse sucesso desde a primeira edição.

Marcus Rossi comentou em últimas entrevistas que o orgulho da empresa é poder caminhar com as próprias pernas e não necessitar de investimentos externos.

Além do evento, a Summit Hub (empresa criada desde a primeira edição) também foi idealizada com intuito de inovar através de outros produtos que são orgulho do time que trabalha o ano todo incansavelmente tornando o evento sempre um sucesso.

Além dele, um portal com conteúdo chamado start zero e os famosos summit talks foram lançados para divulgar ainda mais a inovação em modelo itinerante, sendo levados a outros estados brasileiros.

Outro projeto recente que deve ser comentado é o projeto Iris, um aplicativo de celular voltados para eventos, totalmente prático e organizado, com sistema cashless, agendamento de reuniões, chat instantâneo, entre outras funcionalidades. Para todos que participarem da próxima edição do evento, poderão testar o projeto gratuitamente.

De acordo com dados da empresa, a Summit Hub hoje fatura cerca de R$ 10 milhões por ano e é avaliada em mais de R$ 15 milhões. Quem diria que um evento que iniciou tão pequeno, tomaria essas proporções?!

Para quem ainda não adquiriu os ingressos e não quer ficar fora dessa oportunidade, acesse https://www.gramadosummit.com/ingressos e garanta seu ingresso agora mesmo.

 

Texto: Mônica dos Santos

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *