Comitê estuda ações para reforçar combate à dengue em Santa Cruz

Representantes de órgãos municipais e de entidades de Santa Cruz do Sul, que integram o Comitê Municipal de Combate à Dengue, se reuniram na manhã dessa terça-feira, 4, para estudar estratégias a fim de eliminar focos do mosquito transmissor.

A primeira fase de coletas do Levantamento Rápido de Índices de Infestação pelo Aedes Aegypti (Lira), realizada em janeiro, apontou que o município está classificado com risco médio para dengue. Os dados mostram que a cada dez casas com focos de mosquito, em média quatro são de Aedes aegypti. Neste ano, o Ministério da Saúde determinou que sejam realizadas quatro etapas de coletas para o Lira. As próximas serão em março, junho e outubro.

Apenas este ano, Santa Cruz já conta com 11 casos de dengue em investigação. Os exames foram enviados para o Laboratório Central do Estado (Lacen) e aguardam resultados. Por enquanto, nenhum caso foi confirmado no município.

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *